Assign menu in Appearance -> Menus -> Manage Locations
Filé de Cherne in Porchetta
22 de março de 2017

Ao olhar o cardápio de um restaurante, nem sempre damos conta que alguém o criou, e: de onde vieram as ideias para tal? Pensando nisso nós fizemos essa publicação, para falar um pouquinho das nossas criações e os seus porquês.

Com inspiração italiana, o chef da casa, Renato Ialente, ao criar os nossos pratos, o fez pensando além dos ingredientes, mas, buscou a sua origem, e então deu aquele toque Quadrifoglio.

Veja algumas dessas criações e suas histórias, são bastante interessantes. E mais, estão todas presentes em nosso atual cardápio.

Il Nostro Tagliere: clássico antepasto da culinária italiana, é uma entrada presente em todas as mesas de casa e restaurantes do norte ao sul da Itália.

Tartare di Cernia: é um prato de origem da ilha da Sardenha, onde o mar tirreno é rico desse famoso peixe, tão conhecido pelas qualidades de sua própria carne. Usado em varias receitas, entre elas o Tartare, ele exalta os sabores próprios do peixe.

Scialatielli ai Frutti di Mare: massa típica da costa amalfitana, criada pelo chef Enrico Cosentino em 1978. A massa é preparada com água, farinha, leite, ovos e parmesão .

Quadrifoglio_TARTARE DI CERNIA_BERG SILVA (2)
Tartare di Cernia

 

Tagliatelle ai Funghi Porcini: prato da culinária das regiões da Umbria e Toscana, este é um produto  genuíno da mata italiana, onde crescem os cogumelos porcini, os quais se combinam perfeitamente com a Pancetta, produzida de suínos criados soltos .

Tagliolini Agli Scampi e Asparagi: o pesto tem origem na regiao da Liguria , onde as plantas de manjericão são cultivadas, bem próximas do mar, aonde são banhadas pela maresia, que lhe confere mais sabor. Nesse prato o pesto se junta com os lagostins e aspargos em um “matrimonio perfeito”.

Quadrifoglio_TAGLIOLINI AGLI SCAMPI_credito Berg Silva (1)
Tagliolini Agli Scampi e Asparagi

 

Sformatino di primavera: é uma receita revisada de um prato da região da Umbria preparado na época da páscoa, quando começa a primavera na Europa. Os ingredientes aspargos, alcachofras, favas verdes, são típicos da época da primavera.

Chitarrini al Nero di Seppia: a receita do talharim com tinta de lula tem origem na ilha da Sicília, onde o mar é rico de lulas. Antigamente consumia-se, por necessidade, a glândula que contem o seu liquido, mas, com o passar do tempo, acabou virando guloseima. Nessa receita juntamos lula, camarões, ervilha e pancetta em uma versão mais rica e contemporânea.

Quadrifoglio_CHITARRINI AL NERO DI SEPPIA_Credito Berg Silva (1)
Chitarrini al Nero di Seppia

 

Risotto Speck e Radicchio: este prato é um clássico da culinária veneta, da cidade de Treviso. O sabor defumado do Speck, típico presunto cru destas regiões, encontra o sabor levemente amargo do Radicchio e a doçura da manteiga e do parmesão.

Buscando a mistura de culturas, também temos alguns bem saborosos:

Tortelli di Anatra: este prato é a versão italiana, que introduz a massa em um prato clássico da culinária francesa: pato com laranja, em uma combinação equilibrada de gosto e sabores.

Creme di Baroa com mini Lula: é uma revisitação contemporânea, que junta ingredientes italianos e brasileiros, de uma clássica receita napolitana – “Calamaretti alla Luciana” do bairro Santa Lucia, perto da área portuária da cidade.

Quadrifoglio_CREME DI BAROA COM MINI LULA_credito Berg Silva (2)
Creme di Baroa com mini Lula

 

Filé de Cherne in Porchetta: nessa receita se encontram 2 elementos – a terra e o mar. O Rocambole de Filet de Cherne é recheado com Pancetta (terra) e Mexilhoes(mar) , cozido a baixa temperatura servido com um acompanhamento (palmito pupunha) e um molho (sururu) bem brasileiro, em um encontro de cultura, culinária e sabores.

Depois de ler toda a descrição de nossos pratos, ficou até difícil decidir qual escolher, não é? Mas, isso não é problema, nossa equipe, assim como, o Chef Renato, estão à disposição para ajudar no que for necessário. Além dessas, temos outras criações em nosso cardápio; Garantimos o sabor e qualidade em todas elas. Sejam muito bem-vindos.

Leave a reply